Vascularização Fetal Persistente

Vascularização Fetal Persistente

A Vascularização Fetal Persistente é uma condição não-hereditária causada pela má formação do vítreo, criando uma membrana esbranquiçada no olho da criança.

A condição é a segunda causa mais comum de catarata pediátrica, podendo causar complicações como estrabismo, miopia e dificuldades para enxergar, se não for tratada a tempo.

O diagnóstico da PHPV é realizado pelo pediatra no teste do olhinho. Seu tratamento é realizado pela retirada da membrana e da correção de qualquer complicação, além de um acompanhamento constante do oftalmologista durante a infância.

Para maiores informações entre em contato com Dr. Alexandre Grandinetti.

Especialista em Cirurgia de Catarata, Retina e Vítreo (CRM 19.607)

Agendamento de Consultas:

Telefone: (41) 3310-4284

Whatsapp: (41) 99173-2025

Instagram e Facebook: /dr.alexandregrandinetti

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *